O Kyol Che- retiro de meditação

kyol%20che%20inst[1]

“É um privilégio haver encontrado esta técnica simples, que facilita a conexão para o ser, a mais poderosa via direta que que eu tenha encontrado em minha procura. É difícil imaginar, que somente sentando em silencio, observando a mente, estando atento momento a momento, um movimento de a mente para a não mente acontece…”
Samvara

Ter nascido ser humano é uma possibilidade ímpar em toda a Criação. Nós somos a única forma da Criação que tem a possibilidade de:

Criar sonhos;
Enredar-se neles, se envolvendo de tal forma que esquece sua face original e;

Tornar-se consciente e despertar dos sonhos criados.
Enquanto este terceiro passo não acontecer, não alcançamos a possibilidade humana.

Objetivos do Kyol Che

O Objetivo principal do Kyol Che é promover o relembrar e o alcançar do terceiro passo.

Ficaremos felizes de praticar com todos aqueles que sentem essa chamada que vem de dentro para alcançarmos o terceiro passo, “retornarmos para casa”.

Ter a oportunidade de praticar 15 dias de silêncio, meditando sentado, caminhando, cantando, usando mantras, koans, exercícios suaves de vento Zen, praticando atenção a cada um destes momentos e permitindo que sua energia volte para o centro,  para a sua fonte é, decididamente, o maior presente que você pode dar a si mesmo.

A meditação
“A mente é um contínuo congestionamento de conceitos, idéias, preocupações, ansiedades, desejos e etc… Fazendo com que você perca a sensação do Aqui e Agora. O oposto disto é o estado meditativo. É a consciência de que você não é a mente.

É permitir que toda esta energia inquieta, que circula na superfície do seu ser retorne ao centro. A meditação é o paraíso perdido que pode ser recuperado. Ela vai além do dualismo do pensamento tornando sua energia mais integrada. Não se trata de mudar conceitos mas sim de reencontrar sua própria essência”.

OSHO

Assista o Video do Kyol Che:

20 anos de Kyol Che no Brasil

DEPOIMENTOS RETIRO KYOL CHE 2017 

Aos pouquinhos tudo vai sendo gestado, como em um útero. Paz, harmonia, quietude e amor. Se reconhecer, como nascer, doi um pouquinho mas no final, é isto, SER.

Obrigada, gratidão imensa por este e outros Kyol Ches.

Atmo Sasha

Menos é mais!!!

Um maravilhoso presente, em todos os sentidos. Era o que eu buscava e precisava, descansar, tirar férias da minha mente, relaxar profundamente e ao mesmo tempo estar com vitalidade, energia, atenta.O lugar é lindo, aconchegante, o encontro é cercado de cuidados, carinhos, da comida orgânica saindo da horta, à massagem no corpo e na alma. Tudo tem um sentido. Marca uma nova etapa da minha jornada.Gratidão Samvara, Dhyan e Célia.

Telma Rocha

 

Ficar em silêncio me deu a oportunidade de um entendimento melhor de como a minha mente funciona e observá-la sem cobranças, sem pressão.

Como eu cheguei: ansiosa, com fadiga, dificuldade de concentração. E hoje, no último dia, todos estes sentimentos melhoraram, saio com mais energia, no aqui e agora, mais consciente no que EU SOU!

Indramara Figueiredo

Nos primeiros dias sentia-me como uma orquestra desafinada, sonolenta e sem maestro. Neste momento a orquestra descansa como consciência, curtindo a sinfonia do silêncio. Gratidão!! Gratidão!!!                      Luisa Galindo

Me permiti ir largando as velhas amarras que me prendiam a um passado velho e inútil e no silêncio profundo percebi que é na aceitação das pessoas e situações como se apresentem, que se removem as raízes do sofrimento e se pode ancorar em quem verdadeiramente somos. Momento a momento, fui atingindo um espaço interior de muita paz e alegria, como só havia experimentado na infância. Silêncio é caridade, é abrir caminhos para a autotransformação, pureza e alegria.

Nara Cinda A. Borges

Todo buscador comprometido com crescimento sabe que a jornada é necessária. No entanto, por condicionamento pode se perder no caminhar que nunca para. Samvara transborda o lembrete: Pare! Relaxe! Aproveite a vista! E nesse convite simples… Aaahhh!! Sorriso! Ar fresco!! Silêncio!! Outra dimensão.

Descanso e nutrição. Impossível não mencionar o espaço Morgenlicht. Simplesmente incrível… em todos os sentidos.

Deixo aqui o desnecessário e levo comigo uma gratidão imensa.

Amei. Namaste!!!

Ma Dhyam Chandradani

Momentos inesquecíveis num lugar fantástico.

Sinto que dei mais alguns passos ao meu encontro.

Rashmideva

Passar esses dias em silêncio e identificar como a mente pode nos levar a sofrer quando estamos identificados com alguns pensamentos limitantes  foi revelador.

As grandes mudanças vêm do simples e de dentro.

Gratidão!                                       Daygo Kitano

Numa estrutura ideal para apoiar o não fazer com a prática intensa da meditação e ancorado em palestras e vídeos de mestres iluminados, com o apoio da Samvara, nos encaminham para um mergulhar profundo no ser.

Avikal

Minha experiência não poderia ter sio melhor. Tudo pensado nos mínimos detalhes para que nós pudéssemos dedicar 100% do tempo no objetivo final.                  Ricardo Carvalho

A descoberta do prazer de estar aqui porque eu escolhi me aprofundar e a experiência de fazer a mesma coisa, o mesmo retiro e aprender tentas coisas!Novas e outras nuances do mesmo aspecto.

E principalmente sentir gratidão!

Cecília Lopes Alencar

É gratificante perceber a renovação constante do Kyol Che, e com isso permitir o acesso às camadas mais profundas da consciência por parte dos meditadores. Minha gratidão aos 10 anos ininterruptos de meditação.                    Cirilo Schenkel

DEPOIMENTOS dos participantes do retiro  2016

Eu diria que é um presente. Um profundo sentimento de ser. Pode nascer quando se descansa e se para de alimentar o ego (pensamentos, sentimentos, interpretações da realidade).

É um privilégio poder experimentar a dança da “estrutura” do retiro e a dança dos pensamentos, e no fim celebrar a paz, o amor, a tranquilidade.

Carla Vicente
Por detrás da disciplina e vontade requeridas num retiro de silêncio de 15 dias como o Kyol Che, há um contínuo desabrochar, uma surpresa e novo sabor a cada momento. Sou grata!

Márcia Sayd Bomfim
Com o apoio de pessoas amorosas e dedicadas, fui aprendendo, passo a passo, como meditar e permanecer em silêncio profundo, o que permitiu a percepção de situações e pessoas sob outra perspectiva.

Assim, muitos dos antigos temores e resistências foram aos poucos se dissolvendo, ao mesmo tempo em que uma nova consciência de vida começou a florescer.

Também aprendi que essa consciência sempre esteve comigo e sempre estará, nem é preciso se esforçar, basta a entrega de velhos apegos e medos para receber tudo de melhor que a vida nos reserva.

Minha eterna gratidão!

Nara Cinda A.Borges
A possibilidade de perceber a conexão com todos, com todas as outras pessoas, com uma compaixão verdadeira, cheia de amor e comunhão.

Cecília Lopes Alencar
Um reencontro com o SER, com a vida. Soltando o que já serviu, mas neste momento é passado. Pouco a pouco o silêncio se impõe e no agora só o amor e muita gratidão a todos.

Sasha ( Mariana Babo)
Melhor investimento que fiz para mim. Estes dias no Kyol Che foram enriquecedores de aprendizados, autoconhecimento e libertação. Sou muito grata a tudo!

Michelle Salles
Deixo o Kyol Che mais relaxada e com muita clareza do que é a minha mente. E sinto uma presença em mim do que não é ela.

Uma presença… sem afirmações… apenas.
Nirjana ( Maria Amélia de Menezes)
Minha gratidão por passar duas semanas observando a impermanência da vida com o intuito de alcançar a permanência do vazio.

Cirilo Schenkel

Os 11 dias de silêncio superaram todas as minhas expectativas. O que parecia ser um desafio de resistência,foi na realidade uma experiência prazerosa e estimulante.

Os detalhes, cuidadosamente pensados, foram se mostrando muito importantes no processo, cada um com seu objetivo determinado, nos dando informações na hora certa para serem absorvidas.

Agora percebo em mim uma grande mudança que me deixou mais calmo, confiante, alegre e com uma sensação de paz interna maravilhosa.

Na realidade foi uma transformação, onde nada me foi retirado ou adicionado, como que em um quebra-cabeça, onde todas as peças estão numa caixa, embaralhadas, e aos poucos vão sendo organizadas e encaixadas, fazendo sentido e finalmente um belo quadro.

Ricardo Carvalho

Depoimentos do Kyol Che 2015 

Life is a romance.

Enjoy it everywhere and anywhere.

I can create as much misery as I want .It is all in my mind. I learned how to deal with bad thoughts. I got a much better understanding about meditation and that meditation is the only way to achieve awareness.

I was able to recap my entire life and had important insights, both in family as business affairs.

Norbert,Koeln,30.7.2015

Para mim foi muito bom neste 2. KC. Senti mais profundidade. Que este grupo continue por muitos anos.

Gratidão                         Leia, Fortaleza, 30.7.2015

 

Este pratica intensa de meditação com a estrutura dando intenso suporte,guiando a cada dia com depoimentos (videoas de mestres despertos)proporcionando intenso aprofundamento da busca pelo (Eu Sou),abrindo um caminho de transformação.trazendo imediato bem esta e alegria do ser.

Dhyan Avikal, Guarapuava  30.7.2015

 

No início minha mente era um zoológico enlouquecido. Agora os animais tomam sol e eu repouso, relaxo neste momento!

Imensa gratidão!!!

Luisa Galindo, Curitiba, 30.7.2015

Uma   boa brincadeira…

Intensidade, receptividade…

Senti o amor da existência,

Gratidão!!!          Carla Vicente, Rio, 30.7.2015

Gratidão! É o que sinto em meu coração por estes dias de silêncio e quietude.

Foram dias de um intenso observar e deixar ir. Pensamentos, emoções, sentimentos chegaram e se foram, e eu pude perceber, sentir, a impermanência de tudo.

Deste jeito os espaços foram se abrindo e por alguns momentos pude sentir uma paz e um silêncio interior difícil de exprimir em palavras. No entanto, o vi espelhados na mesma paz e silêncio das montanhas deste lindo lugar.

Viver aqui estes dias foi um passo a mais na direção de mim mesma. Dispensar alguns dias da minha vida para mergulhar neste silêncio foi um presente infinitamente belo que dei a mim mesma.

Sei que cada um acaba encontrando o seu próprio caminho inspirado pelo seu mestre interior. Saio daqui com a certeza de que se seguir os passos que sussurram o eu coração, não tenho como me perder.

Grata a tudo e a todos por este compartilhar!

Bahulya, Manaus, 30.7.2015

Mais camadas compreendidas com novos entendimentos. O desafio é levar para a vida do dia-a-dia as conquistas aqui conseguidas.

Muita gratidão pelos 25 anos de Brasil instruindo e construindo novos seres humanos.                              Cirilo, Florianópolis, 30.7.2015

É muito engraçado… ao decidir participar do retiro pensei que poderia ficar louco… correr!

Aos poucos fui sentindo como que calar e silenciar é prazeroso. Como faz bem!

Corremos tanto no nosso dia-a-dia que esquecemos alguém tão importante no caminho: nós mesmos!

Após 14 dias em contato comigo mesmo sinto que posso continuar minha jornada bem mais preparado e presente, sabendo valorizar o momento mais importante. ESTE!!!

Mardônio, Fortaleza, 30.7.2015

Nos primeiros dias de silêncio pude perceber minha mente neurótica, controladora, sempre buscando respostas para cansativas e repetitivas perguntas, uma verdadeira cilada para a felicidade e um processo exaustivo. Conforme minha percepção foi aumentando, minha resistência diminuiu, consegui em alguns momentos relaxar e perceber o aqui agora e descansar na consciência, não buscando mais o entendimento de todas as questões, ou da mente ou do próprio processo, simplesmente deixei acontecer e o relaxamento veio junto com a paz.

Ainda estou engatinhando, mas hoje posso dizer que conheci o presente e vou lutar, ou melhor “não lutar” para desfrutá-lo.                                                                     Flávia Jubran, São Paulo, 30.7.2015

Poder experienciar que existe um espaço de profunda paz e plenitude tão perto, tão próximo de mim – que sou eu mesma, esta presença, este eu sou que está no aqui e agora. Em cada respiração posso adentrar mais e mais neste espaço é algo fantástico e confortante.

Onde não há passado, pois este simplesmente foi e o futuro é apenas uma crença – e fica somente o presente, muda toda a maneira de viver.

Perceber que não sou meus pensamentos, eles são apenas nuvens que passam, deixando somente o vazio da presença, trás muita paz e tranquilidade.

“Descanse…

Descanse com a consciência…

Descanse”

Se transformou em um mantra.

Falar sobre Kyol Che é igual a descrever como é comer uma maçã. Você pode falar sobre como é a cor da maçã, seu  – uma experiência a ser vivida. Simples assim!!!

Namastê!!                                                           Vitória, Manaus, 30.7.2015

Depoimentos Retiro Kyol Che 2014

Maravilhoso, foi uma grande experiência e descoberta. ( Léia – Vanderléa Di Domenico )


Após altos e baixos, concluo meu sétimo Kyol Che. Há muitos anos soube que eu não sou minha mente, porém, somente neste retiro tive a plena percepção dessa realidade. Gratidão.
( Cirilo Schenkel )


Uma morte em vida, onde olhamos para nós mesmos e vemos nossas formas pensamento onde foram construídas; umas no medo, outras em carências, outras e mais outras; vamos desintegrando-as; como se fosse um filme. Então tudo começa a ficar vazio e o vazio se expande e de repente te enche de paz e êxtase. Quatorze dias de recolhimento, de limpeza de todas as nossas identidades. ( Elcie Kuramoti )


Percebi que o objetivo do retiro era muito mais do que ficar calada e ia mudou a minha concepção da vida. No final do retiro me dei conta que conheci uma outra Anna. Eu ganhei força e coragem para me libertar de regras e conceitos que estavam impregnados na minha cabeça. Me sinto renovada para desfrutar a vida e o que ela me oferece. Estou em busca de uma resposta para a questão “Quem em sou?”, mas agora sei que a resposta está dentro de mim, na minha essência, é algo inexplicável.
( Anna Frangipani)


Brisa de vento

Casa vazia

Vida Morte Vida Morte Vida Morte.

Este momento (Cris Valias )


Se no meu primeiro Kyol Che eu encontrei a beleza e o poder do momento presente; no meu segundo, encontrei no presente a quietude e toda a consciência e paz que vem com ela. Então, nesta minha terceira vivência eu aprendi, ou melhor, lembrei, de relaxar nessa quietude e que a todo momento ela se faz presente. Quem sabe o que descobrirei no próximo Kyol Che?

Nos dias corridos do nosso cotidiano e com o ritmo frenético e impiedoso que a vida tem tomado, o retiro é sem dúvidas uma ducha de água fresca num dia quente e abafado!

( José Henrique Castelo Branco )


Fazendo o retiro pela segunda vez, vejo com mais clareza para onde vou e vou continuar indo

em frente, cada vez mais indo para o vazio.O caminho se torna fácil quando você se entrega sem esforço… apenas relaxo na quietude, no silêncio e o resto é consequência… Paz,

Consciência, Eternidade! ( Keiko Sanches )

Depoimentos Kyol Che 2012

Foi descobrir que é mais simples que se possa imaginar. E como nosso tempo se complica.

E descobrimos que a complicação de se estar no agora é por não aceitarmos a sua simplicidade. O sinta interno foi a maior descoberta que tive nesses dias.Foi muito bom.

Que Deus abençoe todos vocês. (José Luiz Vaz Rodrigues)

Expansão! Cada Kyol Che que participei ( este é o terceiro) me trouxe uma experiência que, de uma maneira sutil, porém definitiva, mudou a minha forma de ver e sentir a vida. Hoje, me sinto mais contente e tranquila. Tive a oportunidade de vivenciar que realmente tudo está nesse momento; neste segundinho precioso chamado vida.

Obrigada a Samvara por seu carinho, paciência e orientação.  Obrigada a Dhyan e Célia pela constante atenção ao nosso bem estar tanto emocional quanto físico. E, obrigada a toda turma do Morgenlicht. Vocês são show.

( Anúzia C.B.Rodrigues )

A única maneira de descrever é:  “Este momento.”

Encontrar a paz interior e relaxar com a certeza que “não há nada a fazer, nenhum lugar para se ir e nada a conseguir.”  Isso é maravilhoso.

Foram 14 dias abençoados e de muita liberação.

( Isabel Cristina Dihl Otto)

É um aprofundar interior, é um chegar, um sentir-se em casa, onde as respostas simplesmente existem, são, de maneira tão clara e simples que as perguntas desaparecem, deixam de existir.                                                                 ( Sonia Marli Ribas)

Dias de/com consciência.

Comi bem, dormi bem e tive todo suporte necessário.

Procurei ficar presente. Trabalhei paciência e ritmo próprio dentro da estrutura.

Olhei identificações… dores, doenças, progresso, ego… Me separei dos pensamentos por instantes e vivi.

Tive momento de lagarta e momentos de borboleta.

Curti a vida e a natureza exuberante do local.

Termino leve e plena.Gratidão!                              ( Carla Vicente)

Agradeço ao Kyol Che por mais algumas camadas dissolvidas. Obrigado por este momento… este momento…este momento.

( Cirilo Schenkel)

Samvara muito grata por me mostrar o outro lado do mundo. Foi instigante, revelador e clarificante.  O silêncio é restaurador da essência que esquecemos. Espero acordar para isso.

Muito obrigada.

p.s Dhyan:  “está perfeito”                              ( Márcia Moss)

Estar comigo esses dias foi bem especial, percebi o quanto estava desconectada de mim mesma, uma oportunidade de olhar prá dentro, ouvir meu coração, perceber os padrões da mente.

Neste momento me sinto feliz e agradecida ao Divino por esta grande oportunidade.                                                                                                             (Maria Odete de Oliveira – Anandi)

Samvara.

Que alegria eu sinto em meu coração pela bondade do grande mestre por existirem pessoas como você.

Nestes 14 dias comprovei como os ensinamentos do grande mestre são simples, aonde o orgulho, inveja e ciúme não fazem parte, e dias estes que pude sentir que dentro de uma simplicidade é que me conectarei novamente a minha essência usando apenas o que é meu de direito que é “Este Momento”.

Grata Samvara, saúde e sabedoria.        ( Janaína Urias Martins)

Silenciar a mente… basta sentar-se relaxadamente e descansar. De tão simples torna-se difícil. Meditar não requer nada! Nenhum pré-requisito, nenhum material (livro, computador…) É você com você mesmo. Então, de mãos vazias, nasço e morro na solitude.  Sempre ouvi falar “do pó ao pó voltarás”.

Do futuro, só uma coisa é certa: a morte; por isso, desapegar já é preciso para evitar o sofrer.

Para onde vou, não sei, mas vou sempre em frente. E no meu caminhar eu reverencio o Criador, amo o próximo e a mim mesma incondicionalmente enquanto essência que somos todos.Na minha existência eterna, vou me lembrar sempre “ Este Momento é tudo”, e está tudo em ordem.                                                                                            (Keiko)

Segunda vez!  Foi importante dar esse tempo prá mim. Observando meus pensamentos percebi que na maior parte do tempo, o que pensamos poderia ir direto para um incinerador.

Acompanhei  lutas incríveis, argumentei com pessoas tentando convencê-las de que eu estava certa, fiquei com raiva, perdoei, ensaiei discursos, viajei para o passado, imaginei o futuro criando expectativas infundadas, briguei… Quanto tempo perdido!

Quanta energia desperdiçada.

Constatando tal fato decidi não alimentar mais essa mente “muito doida” e praticar mais a meditação. Observar e deixar ir os pensamentos, deixando o caminho livre para que a consciência guie meus passos.

“Eu sou a consciência na qual tudo está contido” Obrigada!!!                    ( Nice de Toledo )

Antes de tudo Sam, eu quero te agradecer o apoio e orientação que recebi neste trabalho maravilhoso e pela bondade da natureza divina de ter enviado pessoa igual a você para semear semente de luz na consciência das pessoas.

Oportunidade de reconectar com a totalidade da existência.

Sam, eu estou feliz de ter participado mais uma vez deste Kyol Che, que prá mim é o quarto encontro.

Como é bom sentir livre da prisão mental, o reconhecimento que a felicidade, a paz e o amor só acontece no aqui e agora, neste momento, seguindo sempre em frente!!

Muita luz, com amor.                                                                   (Afonso Vaz de Campos)